Pergunta: O preservativo é seguro?

O preservativo é seguro?

Diversos estudos confirmam que o correto e sistemático uso de preservativos em todas as relações sexuais apresenta uma eficácia estimada entre 90 e 95% na prevenção da transmissão do HIV.

A segurança e eficácia do preservativo estão diretamente relacionadas ao uso correto, conforme dicas abaixo:

a) Guardar a camisinha longe do sol e do calor. Evitar guardar muito tempo na bolsa ou carteira.

b) Observar sempre a data de validade. Quanto mais velho, mais desgastado estará o látex e maiores os riscos de ruptura.

c) Prefira sempre os preservativos lubrificados.

d) A camisinha deve ser colocada pouco antes do contato entre o pênis e a vagina. Não colocar a camisinha muito tempo antes, pois diminui a lubrificação e aumenta o risco de rompimento.

e) A ponta da camisinha serve de depósito para o esperma, assim ela não deve ficar esticada. Apertar delicadamente para retirar todo o ar antes de desenrolar a camisinha no pênis.

f) Colocar o preservativo com o pênis ereto e retirar logo após a ejaculação, isso evita vazamentos e transmissão de doenças

g) Caso coloque a camisinha de modo errado, jogue fora e coloque uma nova.

h) Nunca passar óleo, vaselina, cremes ou outra substância que não seja água ou à base de água no preservativo. A maioria vem lubrificada e não necessita de mais lubrificação. Se for o caso, use lubrificantes à base de água

i) Nunca reutilizar a camisinha.

j) A camisinha não diminui o prazer. Ela pode inclusive aumentar o prazer se for adequadamente usada, diminuindo o atrito, prolongando o tempo da penetração. O homem pode levar mais tempo para ejacular, o que pode aumentar o prazer para ambos.